Perguntamos aos nossos seguidores quais eram os signos mais detestados. Quase o zodíaco todo apareceu nos comentários, mas alguns signos surgiram mais… Por que será, né? Para tirar a dúvida de uma vez todas, fizemos a mesma pergunta à nossa astróloga. Confira o que ela respondeu.

Áries

Se precisarem passar uma rasteira em alguém para alcançar seus objetivos, receber o elogio ou a promoção que desejam, os arianos podem até disfarçar, mas seguirão em frente sem olhar muito para os lados e para trás. O que eles querem mesmo é conquistar, independentemente do obstáculo que precisem enfrentar. Estar em primeiro lugar é o que importa. Na corrida do ouro, vale passar a perna no adversário e fingir que nada aconteceu. Não à toa não são os mais amados do zodíaco, né? Aliás, é bem o contrário…
Arianos são filhos do elemento fogo e regidos por Marte, o deus da guerra e da paixão. São guerreiros, no verdadeiro sentido da palavra, precisam de uma causa pela qual lutar. Sem essa causa de combate, eles desfalecem e entregam a espada e a armadura. Arianos são briguentos, teimosos e muito quentes, em todos os sentidos. Impacientes e rebeldes, não costumam abaixar a cabeça por nada e ninguém. São idealistas, corajosos e costumam agir com muita habilidade e rapidez. As pessoas desse signo são aventureiras, e uma aventura pode ser uma viagem, um desafio financeiro ou mesmo sua carreira. São inteligentes e criativos e costumam se tornar ótimos empresários e executivos. Arianos são livres e independentes, donos da própria vida. Nem tente torná-los algo que não são, você vai se dar mal. Costumam ser bastante infantis, e são necessários alguns bons tombos e frustrações para que aprendam algumas lições. A primeira delas é que o mundo, além de não girar em torno de si mesmo, não costuma obedecer a ninguém. O mundo e a vida acontecem por si só. Controladores, agressivos e impulsivos, seduzem até a si mesmos diante do espelho. E mais: sabem que são irresistíveis.

Escorpião

Manipuladores contumazes, sensuais e, muitas vezes, isentos de escrúpulos, os escorpianos não medem esforços para conseguirem o que desejam. E poder é tudo o que desejam. Seja no relacionamento, na carreira, no dia a dia de trabalho, na relação com os filhos, ou onde for. Eles respiram o poder por todos os poros. Não se iluda com seu charme – que muitas vezes é irresistível e somente uma arma a mais que ele possui para dar o bote. E quem já levou esse bote sabe o risco…
Escorpianos são filhos do elemento água e regidos por Plutão, o deus dos infernos. Enigmáticos e misteriosos, possuem a capacidade de penetrar nas pessoas somente com seu olhar profundo. Desconfiados e possessivos, não costumam entrar de cabeça em seus relacionamentos, mas, quando entram, podem morrer antes de deixá-los para trás. Apegam-se e não costumam deixar de lado as coisas e as pessoas que amam. Escorpianos, muitas vezes, são injustiçados pela fama que possuem. Existem três tipos de escorpianos: a cobra, o escorpião propriamente dito e a águia. A cobra pica e destrói os outros, assim como o escorpião, mas este pode destruir a si mesmo antes de ferir alguém. Já a águia é simbolizada pela fênix e caracteriza bem o escorpiano mais evoluído: alça voos tão altos que se aproximam da extrema luz, simbolizada pelo Sol, onde se queima totalmente e renasce das próprias cinzas. A morte, acompanhada do renascimento é um forte símbolo, que acompanha a vida de todas as pessoas desse signo. Escorpianos, homens ou mulheres, são intensos, profundamente emocionais e sensíveis e se deixam atingir facilmente pelas emoções das pessoas e pelos ambientes mais pesados. São antissociais e, normalmente, sentem-se bastante solitários. Magoam-se com facilidade, são compassivos e precisam tanto de relacionamentos que essa necessidade passa perto de seu instinto de sobrevivência. Ciumentos e possessivos, leais e fiéis, amam para sempre, para o resto de suas vidas, se encontrarem alguém em quem possam confiar e para quem se entregar.

Aquário

Aquarianos amam a si mesmos. São frios e racionais. Na verdade, eles morrem de medo de entrar em qualquer mundo emocional, seja o seu ou o dele. E sabem ser indiferentes como ninguém. Você acreditou mesmo que ele deu importância àquele reencontro depois de 15 anos? Pegou seu telefone e disse que ligaria para marcar alguma coisa? Não caia nessa, ele não vai ligar e, quando você ligar, ele é totalmente capaz de, friamente, bloquear seu telefone para nunca mais. Quem já sofreu com um aquariano sabe bem…
Aquarianos são filhos do elemento ar e regidos por Urano, o planeta que foi descoberto sob o grito da Revolução Francesa, “liberdade, igualdade e fraternidade”. Aquarianos possuem dois lados: um mais conservador e outro ultramoderno. Normalmente, costumam viver o conflito entre o velho e o novo dentro de si mesmos. De uma maneira ou de outra, aquarianos estão intimamente ligados em ideias e não conseguem viver sem um ideal. Os de amor fraterno, cooperativismo e justiça são os mais intensos e presentes no coração de uma pessoa desse signo. São regidos pela mente e possuem um medo intenso do mundo emocional, tanto de suas próprias emoções, como das de quem os rodeia. Não suportam por muito tempo pessoas intensas e carregadas de intensas manifestações emocionais. Navegar nesse mundo os faz perder o controle que exercem sobre si mesmos. Assustam-se e, geralmente, saem correndo. Aquário possui uma imensa dificuldade de se relacionar, mas anseia por uma sociedade equilibrada e civilizada. É extremamente inteligente, e suas ideias costumam estar à frente de seu tempo. Muitas vezes são tidos como lunáticos, mas, na verdade, sua criatividade ultrapassa a compreensão da maioria. Aquarianos amam as amizades e costumam ser melhores amigos que amantes. Podemos encontrar muitos aquarianos na política, na tecnologia de ponta e em atividades que fazem parte da Nova Era, como a astrologia por exemplo. Aquarianos são justos e racionais. O que é justo é justo, doa a quem doer.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA